No sistema “drive thru”, prefeitura concentra vacinação contra a gripe no estádio Douradão  

Nesta quinta-feira estão sendo imunizados os idosos com idade acima de 70 anos; 09 de maio ocorrerá o dia “D” de Mobilização Nacional de Vacinação contra a Influenza

Publicado em: 26/03/2020 às 19h05

Imprensa

Foto: Nicanor Coelho/Assecom

Vacinação contra a Influenza está concentrada no estádio Douradão nesta quinta-feira, pára imunização de idosos com idade acima de 70 anos

 

 

A partir desta quinta-feira (26), a Secretaria Municipal de Saúde de Dourados está concentrando a vacinação contra o vírus da gripe Influenza, aplica pelo sistema “Drive Thru”, apenas no Estádio Douradão, localizado na rua coronel Ponciano. A vacinação é no horário das 08h às 17h ou até durar estoque de vacinas.

Até quarta (25) a vacinação era feita no Jorjão, Ginásio Municipal de Esportes e Praça Antônio João e agora fica concentrada no Douradão, por causa da escassez de vacinas.

A informação foi prestada por Robson Adriani Roque Dauzacker, gerente da Atenção Primária. Segundo ele, estão sendo vacinados hoje os idosos com idade acima de 70 anos. Ele lembrou que os idosos que forem de carro até o Douradão não precisam nem descer, já que os técnicos irão até o veículo para aplicar a vacina.

CRONOGRAMA

De acordo com Edvan Marcelo, da Coordenação do Núcleo de Imunização, a campanha em Dourados atende também recomendações do Ministério da Saúde, para se evitar a disseminação da doença, cujas orientações deverão ser adaptadas pelos gestores estaduais e municipais, de acordo com a realidade local. Ele esclarece que haverá reposição de doses de forma gradativa e que haverá tempo hábil de aplicação da vacina a todos.

Esclarece ainda que a Campanha Nacional contra a Influenza se dará de 23 de março a 22 de maio, por fases e grupos prioritários, sendo a 1ª fase para idosos (60 anos e mais), trabalhadores da saúde e bombeiros militares do MS, iniciada no dia 23 de março.

A 2ª fase, para professores das escolas públicas e privadas; profissionais das forças de segurança e salvamento; portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, a partir do dia 16 de abril.

E a 3ª fase, para crianças de 6 meses a menores de 6 anos; gestantes; puérperas; povos indígenas; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional e a adultos de 55 a 59 anos de idade, a partir de 9 de maio.

No dia 09 de maio ocorrerá o dia “D” de Mobilização Nacional de Vacinação contra a Influenza.

Edvan Marcelo explica que tão logo os estoques de vacinas pertinentes ao município de Dourados sejam entregues pelos órgãos (Ministério da Saúde via Secretaria Estadual de Saúde), estas serão disponibilizadas às Unidades de Saúde, “a fim de atendermos os grupos de forma ordeira e oportuna”.

“Considerando o início das campanhas de vacinação (Influenza e Sarampo), que ocorreu no dia 23, de forma escalonada e por grupos, conforme orientações do próprio Ministério da Saúde, reiteramos a importância de seguirmos as orientações de escalonamento, pois caso não haja compreensão e entendimento por parte das equipes de atendimento como também, por parte dos grupos prioritários contidos nos cronogramas, o desabastecimento dos imunobiológicos, referente principalmente a vacina contra a Influenza, será inevitável. Haja vista que, já existe por parte do ministério da saúde um cronograma logístico de reabastecimento gradativo ao longo do período destinado a vacinação dos grupos previamente elencados”, conclui o coordenador.