São Paulo tem 7 atletas que voltam de empréstimo: veja quem interessa

Publicado em: 22/06/2019 às 11h00

Gazeta Esportiva

Enquanto vai ao mercado em busca de reforços, o São Paulo pode encontrar soluções caseiras para o restante da temporada 2019. Durante a janela de transferências do meio do ano, sete jogadores terão seus contratados de empréstimo encerrados e podem voltar ao Tricolor.

Nenhum deles, no entanto, atende às necessidades mais importantes do elenco. No momento, o clube quer a contratação de um lateral direito e de um centroavante. Adriano, ex-Barcelona, e Juan Dinenno, emprestado ao Deportivo Cali-COL pelo Racing-ARG, estão na mira.

A tendência, portanto, é que a maioria não seja utilizada pelo técnico Cuca, que conta com um inchado elenco de 34 atletas. Abaixo, a Gazeta Esportiva explica a situação de cada um dos sete jogadores que voltam de empréstimo.

Lucas Perri
Como o inglês Crystal Palace não exerceu a opção de compra, o goleiro deve retornar ao Tricolor. Apesar de ser elogiado pelo técnico Roy Hodgson, ele não foi utilizado no time principal do clube londrino. Caso volte mesmo ao São Paulo, terá grande concorrência. Atualmente, Tiago Volpi é o titular e Jean, o reserva imediato. Lucas Paes e Junior também integram o plantel profissional.

Lucas Fernandes
O meia tem o retorno visto com bons olhos pelo São Paulo. O clube considera que sua cria fez boa temporada pelo Portimonense, de Portugal, onde disputou 30 jogos e marcou um gol. Portanto, embora Cuca tenha outras opções no setor de armação, o atleta de 21 anos seria um reforço bem-vindo. Por outro lado, o Tricolor não fecha as portas para uma eventual proposta do exterior, já que entende que o jogador chamou atenção na Europa.

Júnior Tavares
Emprestado à Sampdoria, da Itália, Júnior Tavares não deve ser reincorporado ao elenco. O lateral esquerdo foi pouco utilizado pelo time de Gênova e volta em baixa. Como tem vínculo até junho de 2021, ele provavelmente passará por novo empréstimo, a menos que apareça um clube interessado em contratá-lo em definitivo.

Léo Natel
O atacante é quem tem a situação mais indefinida. Com nove gols em 31 jogos, destacou-se no APOEL, do Chipre, que não decidiu se exercerá a opção de compra ao término do empréstimo. A equipe conseguiu uma vaga na fase preliminar da próxima Liga dos Campeões e, por isso, ainda não tomou uma decisão.

Banguelê, Pedro Augusto e Geovane
O retorno do trio de meio-campistas, que estava no Louletano, da segunda divisão portuguesa, não interessa ao São Paulo. Ou eles serão novamente emprestados, ou caminharão para o final de contrato – dezembro de 2019.